Assistente de Fisioterapia: o que faz e a sua importância

Ser assistente de fisioterapia é mais do que conhecer práticas de reabilitação e tratamento.

Trata-se de um conjunto de habilidades e competências técnicas, mas também comportamentais – que potenciam a eficácia de um processo terapêutico.

Dicas CEFAD Assistente de Fisioterapia

Um tratamento de fisioterapia tem como objetivo recuperar e manter a capacidade funcional do corpo do paciente.

Para isso, é necessário um trabalho de avaliação, tratamento e prevenção de problemas, realizado por profissionais de saúde especializados que trabalham em equipas multidisciplinares, e aqui estão incluídos os assistentes de fisioterapia.

Quais são as Funções de um Assistente de Fisioterapia?

  • Administram processos Terapêuticos

Uma vez que a fisioterapia utiliza métodos para promover o bem-estar, o assistente irá administrar técnicas de tratamento que são cada vez mais diversificadas, tais como:

  1. Tratamentos manuais como massagem terapêutica, terapia de ponto de pressão e outros;

  2. Tratamentos elétricos, ultrassons e mais terapias físicas como por exemplo, compressas molhadas, práticas com plantas e minerais e lâmpadas de infravermelhos.

Para além disso, também é responsável por proceder à colocação de suportes físicos como próteses, cintas ortopédicas e muletas, explicando ao paciente como deve ser feita a correta utilização dos mesmos.

  • Auxiliam na Execução do Plano de Tratamento

Apesar de não ser responsável pelo diagnóstico dos pacientes, um assistente de fisioterapia presta auxílio para que os utentes e doentes aprendam os exercícios de reabilitação e outras atividades funcionais que estejam incluídas no plano de tratamento.

A sua presença garante que o exercícios são executados da melhor forma. Protege e zela pela segurança dos pacientes.

A presença de um Assistente de Fisioterapia garante que os resultados correspondam aos objetivos do tratamento, voltando, dentro do possível, à vida normal.

  • Dão Motivação e Incentivo

O tratamento de reabilitação nem sempre é um processo fácil e normalmente, os resultados esperados costumam demorar.

Além disso, a execução de algumas técnicas terapêuticas pode causar algum desconforto físico.

Neste sentido, o assistente de fisioterapia irá atuar como motivador para manter os pacientes no percurso certo e incentivá-los para que concluam os planos de tratamento específicos.

  • Monitorizam e Registam os Progressos

São capazes de reconhecer e registar progressos e possíveis dificuldades. Para além de controlar o estado de saúde e desempenho ao longo do tratamento.

Assim, são capazes de conferenciar com os fisioterapeutas, bem como com outros profissionais de saúde, com o objetivo de avaliar, coordenar e, se necessário, modificar o plano conforme a evolução do paciente.

Os assistentes de fisioterapia contribuem para maximizar a qualidade de vida do paciente através dos procedimentos terapêuticos que aplicam.

Além disso, o processo de reabilitação tem também impacto no estado psicológico, emocional dos pacientes, uma vez que têm a possibilidade de ultrapassar dificuldades limitantes.

O assistente de fisioterapia tem um papel valioso e direto no bem-estar geral dos pacientes, em quase todas as áreas da vida.

Para além disso, cria relações de confiança com os pacientes, o que causa impacto no processo de reabilitação, tornando-o mais fácil.

Competências de um Assistente de Fisioterapia

Tendo em conta todas as funções que um assistente tem à sua responsabilidade, é natural que tenha de ter ou desenvolver algumas habilidades sociais e comportamentais, tais como:

  1. Calma, compreensão e empatia;

  2. Capacidade de motivação;

  3. Postura atenta (é importante perceber as necessidades do paciente e progressos);

  4. Capacidade de seguir procedimentos;

  5. Habilidade para explicar exercícios;

  6. Capacidade de comunicação 

Também é importante ter um forte espírito de equipa para que seja capaz de colaborar com os fisioterapeutas e outros profissionais da equipa.

Dicas CEFAD Assistente de Fisioterapia Curso

Gostas da área de Fisioterapia? Revês-te nesta Profissão? Dá o próximo passo!

Agora que já sabes o que faz um assistente de fisioterapia, compreendes a importância de adquirir conhecimentos técnicos e práticos.

Só assim serás capaz de desenvolver as funções de forma eficiente, segura e adequada – e ter sucesso na profissão.

Inscreve-te no nosso Curso de Assistente de Fisioterapia e marca a diferença!

Gostaste deste artigo? Partilha com os teus amigos :

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Centro Formação CEFAD
Centro Formação CEFAD

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Índice
Dicas CEFAD

Dicas em Destaque

Newsletter CEFAD setembro 2022

3ª Newsletter: setembro 2022

3ª Edição da Newsletter CEFAD O período que estamos a viver éparticularmente importante para o CEFAD, poisestamos a comemorar a passagem do nosso30º aniversário. Nesta edição, para além das crónicas habituais, também podes encontrar informação exclusiva sobre os próximos eventos do CEFAD. Boa Leitura! Abrir Newsletter Facebook Instagram Linkedin Youtube Voltar Newsletter Próximos Cursos

Dicas CEFAD Foco Interno VS Foco Externo

Foco Interno vs Foco Externo

“Levanta a barra”, “Contrai o Grande Dorsal”, “Abre o peito para a frente”, “Concentra-te no abdominal”, são algumas das dicas utilizadas pelos treinadores para conduzir o processo e corrigir movimentos, porém muitas vezes não damos a devida atenção ao foco atencional que está a ser utilizado uma vez que o mesmo pode influenciar o resultado

Dicas CEFAD Elavação Lateral

Elevação lateral

Descobre as diferenças e o porquê da sua prescrição personalizada Análise Biomecânica aos exercícios É muito importante perceber o porquê (neste caso específico e não só) de prescrever um determinado exercício, analisar e identificar todas as forças que vão atuar sobre a nossa estrutura articular, muscular e perceber como isso pode afetar quer positivamente ou

Scroll to Top